Grande Prêmio da Amazônia

Não é Formula 1, não é rally, nem corrida de barcos. O GP da Amazônia é uma corrida de Jericos motorizados. Não entendeu? Imagina uma monte de carros feitos no fundo do quintal, com motores de bombas de poço e peças de ferro-velho, correndo numa pista cheia de lama batizada de Jericódromo. Essa é a fórmula para se fazer uma corrida divertida, que faz de Alto Paraíso de Rondônia a capital nacional do Jerico, como ele mesmos se intitulam. As fotos abaixo explicam melhor do que se trata.
This entry was posted in Aventura, Brasil, Off Road. Bookmark the permalink. Post a comment or leave a trackback: URL pra trackback.

Post a Comment

You must be logged in to post a comment.